50 anos do golpe militar serão lembrados em ato no prédio da antiga sede do DOI-Codi, em São Paulo

No próximo 31 de março, segunda-feira, será realizado, na antiga sede do DOI-Codi de São Paulo, hoje 36ª delegacia, na Rua Tutóia, nº 921, um ato que relembrará os 50 anos do golpe militar, ocorrido em 31 de março de 1964. O evento, organizado pela Comissão da Verdade do Estado de São Paulo “Rubens Paiva”, tem adesão de 145 entidades incluindo familiares de mortos e desaparecidos, ex-presos políticos, pesquisadores e ativistas de direitos humanos. A partir das 9h da manhã atividade será aberta ao público no pátio da delegacia.

O ato tem como objetivo execrar e lamentar a data, considerada “O Dia da vergonha nacional” e exigir, entre outras coisas, a localização e identificação dos corpos e dos desaparecidos políticos e esclarecimento das circunstâncias e dos responsáveis por suas mortes; identificação e punição dos torturadores, estupradores, assassinos, mandantes, financiadores e ocultadores de cadáveres. Na ocasião, também serão lembrados os nomes das 56 pessoas mortas no centro de extermínio, inclusive as que estão desaparecidas até hoje.

A partir da decisão do tombamento do prédio, ocorrida em dia 27 de janeiro de 2014 pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat), o evento tem o objetivo de consolidar a transformação do espaço em memorial das vítimas da ditadura. Pelo menos cinco mil pessoas foram presas e torturadas no DOI-Codi de São Paulo.

O evento terá caráter político cultural e contará com a participação do coral Martin Luther King, dos grupos de teatro: Cia do Tijolo; Mal Amadas; TUOV; Redemunho; Kiwi Cia de Teatro; Asdrúbal Serrano; Studio Heleny Guariba; apresentação de dança do grupo de Sandro Borelli, do bloco Unidos da Lona Preta e do vídeo de Luciana Burlamaqui.

Ato: Ditadura Nunca Mais: 50 anos do golpe militar
Data: 31 de março de 2014
Horário: 9h00 – 13h00
Local: antiga sede do DOI-Codi de São Paulo
Endereço: Rua Tutóia, nº 921
Clique aqui e leita o Texto do Manifesto.

COMISSÃO DA VERDADE DO ESTADO DE SÃO PAULO “RUBENS PAIVA” 

Informações à Imprensa: Thaís Barreto 55 11 3886-6228 / 3886-6227 ([email protected])

Redes: Twitter @CEVerdadeSP e Facebook /ComissaoDaVerdade.SP

Compartilhe este artigo