Convite para a reunião sobre CRECHES NA ZONA LESTE com os 3 Governos: Municipal, Estadual e Federal.

 
 
21/03/2011 - 00:30
21/03/2011 - 12:30

 

Dia: 21 de Março de 2011, Segunda Feira.
Horário: 8,30 horas da manhã.
Local: Secretaria Estadual de Educação, Praça da República.


• A REUNIÃO DE CRECHE será na Secretaria Estadual de Educação (GOVERNO ESTADUAL) e convidamos para estar presente a Secretaria Municipal de Educação (GOVERNO MUNICIPAL) e o Ministério de Educação (GOVERNO DEFERAL).

Pauta: Solução URGENTE de Creche na Zona Leste. Chega de exclusão. A solução de CRECHE NA ZONA LESTE depende dos 3 Governos.

1. PROMESSAS DO PREFEITO KASSAB SOBRE CRECHES: Uma das principais promessas do prefeito Gilberto Kassab na sua campanha de reeleição era zerar o déficit de vagas até o final do mandato, de 2008-2012. Segundo dados de julho de 2010, é preciso criar 110 mil vagas para zerar o déficit de vagas na cidade. A falta de creches afeta sobretudo as mulheres de baixa renda que precisam trabalhar. Coloca em risco as crianças entre zero e três anos, cuja guarda se torna precária. Isso aumenta a responsabilidade das autoridades para prover abrigo às crianças na ausência materna. (Folha de São Paulo, 8 de Março de 2011).

2. PROMESSAS DO GOVERNADOR ALCKMIN SOBRE CRECHES: O Governador Geraldo Alckmin prometeu 200.000 vagas de Creche (1 Bilhão de reais): 2011-2014.A Zona Leste tem 10% da população do Estado de São Paulo. Ou seja, no mínimo a Zona Leste deve receber 20.000 vagas de Creche do Governo Estadual. Ou seja, 160 Creches de 160 Crianças em cada Creche, Criança das periferias que não tem CRECHE JÁ TEM UM FUTURO CERTO: engrossar a fileira da juventude da Zona Leste no analfabetismo e exclusão. Quando vão começar as Creches na Zona Leste?

3. PROMESSAS DA PRESIDENTA DILMA SOBRE CRECHES: A Presidenta Dilma prometeu construir 6.000 Creches: 2011-2014.Ou seja, a Presidente Dilma vai construir 1 Creche para cada 33.000 habitantes no Brasil. Como a Zona Leste tem mais de 4 milhões de Habitantes deve ter, no mínimo, 121 Creches. A erradicação da miséria passa urgentemente pela Educação: da Creche à Universidade. Esperamos que o Governo Federal comece, já, a instalar as Creches na Zona Leste, aonde a MISÉRIA atinge milhares e milhares de Famílias.

“Para quê mais evidências”:
Neste país, se escolheu o modelo equivocado: as políticas públicas favorecem os mais aquinhoados, e aos pobres se dão gorjetas

1)=  O IBGE mostrou que apenas 8% das famílias com meio salário mínimo per capita (40% das famílias com crianças) têm filhos em creche. Quando a renda sobe para três salários, a creche existe para 36%”... {O Jardim Helena, Zona  Leste, é um dos Bairros mais abandonados em exclusões sociais...}
2)= “Além disso, a saúde dessas crianças é mal cuidada. Um matemático de Harvard mostrou que a escola é responsável por apenas 20% da formação das crianças. Tudo isso, prova e contraprova, com variadas evidências, que a salvação da educação fundamental pública brasileira só se fará oferecendo às crianças mais carentes um ensino cujas características sejam vicariantes às suas deficiências sociais, usando seu tempo pós-aula, aproveitando pedagogicamente as riquezas culturais e esportivas das cidades e dando às escolas liberdade e condições de usá-las. Foi o que a Unicef evidenciou”.

3)= Neste país, se escolheu o modelo equivocado: as políticas públicas favorecem os mais aquinhoados, e aos pobres se dão gorjetas. Só não enxerga o caminho correto quem não quer ver, ou não quer ter o trabalho difícil de implementar políticas públicas inteligentes e socialmente construídas.
A universidade tem um papel a cumprir na melhora do ensino básico e os seus dirigentes estão cônscios disso.
(José A. Pinotti, 2/1/2007, Folha de São Paulo).                            

Informações:Anderson: 8444-9626; 2156.7650. E-mail  anderson.migri@gmail.com

»   Publique informações sobre um evento. Faça login ou cadastre-se e depois clique aqui.