Pesquisa inédita avaliará qualidade de vida de crianças e adolescentes em São Paulo

O IRBEM Criança e Adolescente será lançado na próxima quinta-feira (23/7) pela Rede Nossa São Paulo. A iniciativa conta com a parceria do Ibope Inteligência e apoio do Instituto Alana e do Instituto C&A.

Por Airton Goes, da Rede Nossa São Paulo

Esta sendo realizada pela primeira vez uma pesquisa de percepção com crianças e adolescentes, para saber o que elas pensam sobre diversas questões relacionadas à qualidade de vida em São Paulo. O resultado do levantamento, que recebeu o nome de IRBEM Criança e Adolescente, será lançado em um evento público, na próxima quinta-feira (23/7).

A pesquisa é uma iniciativa do Grupo de Trabalho (GT) Criança e Adolescente da Rede Nossa São Paulo, com a parceria do Ibope Inteligência, responsável pelo levantamento, e apoio do Instituto Alana e do Instituto C&A.

Desde 2010, a Rede Nossa São Paulo tem divulgado anualmente o IRBEM (Indicadores de Referência de Bem-Estar no Município), com dados atualizados de percepção dos paulistanos sobre a qualidade de vida na cidade. Nesta pesquisa, porém, foram entrevistadas apenas crianças e adolescentes, de 10 a 17 anos. Segundo os organizadores, foram realizadas 805 entrevistas em todas as regiões da cidade.

As perguntas da pesquisa abordam temas do cotidiano do segmento, como escola e amigos, até avaliação das instituições, como Prefeitura e Câmara Municipal.

Na avaliação de Oded Grajew, coordenador geral da Rede Nossa São Paulo, o IRBEM Criança e Adolescente será um instrumento muito importante para a sociedade e o poder público. “A pesquisa irá revelar como as crianças e os adolescentes sentem a sua qualidade de vida e poderá ajudar na definição as políticas públicas.”

Ele lembra que a Constituição Federal determina que a criança seja prioridade absoluta. “O levantamento irá mostrar o que o poder público deve fazer para melhorar a qualidade de vida das crianças e dos adolescentes.”

Raniere Pontes, coordenador do GT Criança e Adolescente da Rede Nossa São Paulo, destaca que a ideia da pesquisa nasceu da inquietude das organizações que trabalham com o tema, em relação ao processo de “invisibilização” do segmento na capital paulista.

“Existem muitas pesquisas para diferentes públicos, mas crianças e adolescentes nunca foram ouvidos de forma ampla e qualificada, e esse é o objetivo do levantamento que estamos fazendo”, explica ele, antes de complementar: “Queremos ampliar a voz e dar vez para que as crianças e adolescentes possam expressar o seu nível de satisfação com uma cidade, que sabemos não ser amigável para eles”.

Para Isabella Henriques, diretora do Instituto Alana, o levantamento inédito é de suma importância para aferir como a criança e o adolescente se inserem na cidade de São Paulo e quais são suas relações com os espaços e os serviços públicos. “Esperamos que o resultado possa orientar o poder público e a sociedade para promover os direitos da criança à cidade, além de estimular o protagonismo destas pessoas”, considera.

As organizações envolvidas com a iniciativa registram que o lançamento do resultado da pesquisa será realizado no mesmo mês em que o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completa 25 anos. A aniversário do ECA é no dia 13 julho.

Diversos representantes do poder público, incluindo o prefeito da cidade, foram convidados para o evento.

Clique aqui e faça a sua inscrição!

Programação

9h30 – 10h00 
Abertura: RNSP
Boas vindas: SESC
Falas institucionais: Instituto Alana, Instituto C&A e GT Criança e Adolescente

10h00 – 10h45
Apresentação dos principais dados da pesquisa. Marcia Cavallari do IBOPE Inteligência

10h45 – 12h00
Roda de conversa com Gestor Público, Adolescentes convidados

12h00 – 12h30
Intervenção cultural 

Serviço:

Lançamento do IRBEM Criança e Adolescente
Data: próxima quinta-feira, dia 23 de julho de 2015
Horário: das 9h30 às 12h30
Local: Teatro Anchieta, do SESC Consolação
Endereço: Rua Dr. Vila Nova, 245